SBB

sábado, 24 de junho de 2017

ANIVERSÁRIO

113 Anos da Igreja Evangélica Luterana do Brasil (IELB)
24/06/ 2017 - Nesta data, o Sínodo do qual fazemos parte está completando 113 anos de fundação. A lembrança desta data é sempre importante, pois nos faz lembrar das dificuldades e das bênçãos de Deus sobre esta igreja no decorrer do tempo.
Sendo primeiramente atendido por pastores vindos dos EUA, logo a IELB passou a formar os seus próprios pastores devido à grande necessidade de anunciar o amor de Deus em solo brasileiro. Há ainda muito o que fazer, mas podemos contar sobre as muitas bênçãos de Deus sobre nós dizendo que a IELB é composta de 57 distritos, 531 paróquias, 2.025 locais de culto, 855 pastores (sendo que 623 atuam em paróquias) e 242.179 membros. Que Deus continue a cuidar desta sua Igreja!

sexta-feira, 23 de junho de 2017

MENSAGEM

Viva o orgulho
 
       "Hoje estamos celebrando o amor", dizia a postagem de uma rede social na internet. E completava: "Viva o Orgulho!" No entanto, o profeta Jeremias, já dizia há cerca de dois mil e seiscentos anos: "O Senhor disse: — O sábio não deve se orgulhar da sua sabedoria, nem o forte, da sua força, nem o rico, da sua riqueza. Se alguém quiser se orgulhar, que se orgulhe de me conhecer e de me entender; porque eu, o Senhor, sou Deus de amor e faço o que é justo e direito no mundo. Estas são as coisas que me agradam. Eu, o Senhor, estou falando" (Jr 9.23-24). Ao conhecermos Deus, conhecemos Jesus e o verdadeiro significado do amor, conhecemos a fonte da vida, e o prazer que é eterno. E, então, celebramos eternamente o verdadeiro Amor.
       Oração: Deus, ajuda-me a levar o teu amor a todos, especialmente ao que esquecem ou não conhecem a verdadeira liberdade. Por Jesus. Amém.
Leia em sua Bíblia Jeremias 9.29-24 -
HoraLuterana

quinta-feira, 22 de junho de 2017

BÍBLIA NO BRASIL

Nenhum texto alternativo automático disponível.
 
No ano em que se celebram os 500 anos da Reforma, vamos colocar a Bíblia no centro da vida do brasileiro.
Participe dessa campanha por um país diferente!
Aceite o desafio e juntos vamos distribuir um milhão de Bíblias ao longo de 2017. #MudeoBrasilpelaBíblia.
 
 


quarta-feira, 21 de junho de 2017

MEDITAÇÃO

Tragédias

A tragédia pode vir em um incêndio, um ato de terrorismo, uma briga de torcidas rivais. Às vezes conseguimos punir culpados, em outras, a própria natureza nos desafia com sua força ou ficamos sem explicação sobre as causas. Seja qual for a tragédia, a dor sempre a acompanha. E Deus? Diz o salmista: “Tu, ó Deus, vês e percebes o sofrimento e a tristeza e sempre estás pronto para ajudar” (Sl 10.14). Pronto a ajudar, Deus oferece esperança e futuro, e um novo mundo.

Oração: Pai, teu Filho Jesus nos promete vida eterna. Nas tragédias, lembra-me dessa promessa e consola meu coração. Amém.
Leia em sua Bíblia o Salmo 10

Hora Luterana

domingo, 18 de junho de 2017

REFLEXÃO

DONS DO ESPÍRITO SANTO

      Hoje, fala-se muito nos dons do Espírito e na importância de se buscar estes dons. Alguns lêem as passagens referentes aos dons como lei. Falam da necessidade de cada um descobrir o seu dom e, então, buscar um campo de ação. Alguns afirmam terem dons de curar, de falar em outras línguas, etc. E outros ficam muito preocupados e dizem: Não sei, não tenho dons especiais. Será que sou cristão? É importante lermos estas passagens de forma evangélica, e lembrar que...
      Cristo concede dons “quando e onde lhe apraz” (1 Co 12.11). Deus concede os dons na medida em que ele os julgar necessários. Os sinais “hão de acompanhar” (Mc 16.17) até onde e quando Jesus o julgar necessário. E nisto Deus nos dá um conselho: “Procurai com zelo, os melhores dons” (1 Co 12.31).  
     O que significa isto? Qual o parâmetro para se saber quais são os melhores dons? Infelizmente, acentua-se hoje, os dons antes do ofício. Isto é inverter as coisas. Cabe-nos olhar em nosso derredor para o nosso campo de ação e descobrir ali as necessidades das pessoas, da congregação, da igreja e então agir sobre as mesmas em amor, conforme nossa responsabilidade como pai, mãe, filho, filha, patrão, empregado, cidadão, autoridade (Cf.: Cat. Menor, Tábua dos Deveres). Isto nos leva à oração, para pedirmos a Deus forças, habilidades, dons, recursos para servir nestes campos. Isto é o contrário da busca de dons para auto projeção, ou auto realização, ou à base da exigência da lei. É importante notar que Jesus, ao conferir a Pedro novamente o apostolado não lhe perguntou sobre dons e habilidades, mas uma coisa só: “Pedro amas-me mais do que estes? ” (Jo 21.15).
      Espírito divino, / que vens do Salvador, / pedimos teu ensino / na ciência do Senhor. / Fazermos a vontade / de Deus vem ajudar, / perdão e santidade / em Cristo revelar. (HL 135.1)
Rev. Horst Kuchenbecker

sexta-feira, 16 de junho de 2017

MENSAGEM

Pelos maus!
 
       O amor nos faz cometer “loucuras”. Quando amamos alguém estamos dispostos a perder horas de sono para ficar ao telefone, limpamos a casa para receber visitas, gastamos dinheiro com presentes, deixamos de lado nossos interesses por uns instantes. No entanto, quem de nós faria isso por pessoas más? Quem faria isso por traidores, adúlteros e mentirosos? Jesus fez isso: “De fato, quando não tínhamos força espiritual, Cristo morreu pelos maus, no ...tempo escolhido por Deus.” (Rm 5.6) Amor divino, que nos alcança, transforma e reconcilia com Deus.
       Oração: Deus, a morte de Cristo mostra o quanto somos amados por ti. Enche meu coração com o teu amor. Amém.
Leia em sua Bíblia Romanos 5.6-11
Hora Luterana

terça-feira, 13 de junho de 2017

MENSAGEM

Despertador

        O despertador toca. Você pensa em ficar mais uns cinco minutos na cama. Afinal, o despertador tocará novamente.
       Mas não dá para ficar adiando tudo na vida. Hoje pode ser o nosso último dia aqui. E Jesus nos desperta: “Não fiquem aflitos. Creiam em Deus e creiam também em mim. Na casa do meu Pai há muitos quartos, e eu vou preparar um lugar para vocês” (Jo 14.1).
       Não adie sua vida com Deus. Com Jesus, você poderá acordar e dormir todos os dias em paz e dizer: “Eu me deito, e durmo tranquilo, e depois acordo porque o Senhor me protege” (Sl 3.5).
        Oração: Jesus, acorda-me do meu sono espiritual. E dá-me tua paz. Amém.
Leia em sua Bíblia o Salmo 3

domingo, 11 de junho de 2017

MENSAGEM

Não há terror

      Não há terror, miséria, decepções que possam apagar a grandeza de Deus. A sua grandeza é vista nas manifestações espetaculares da sua criação, como o horizonte ao pôr do sol ou a dança das marés, e também nas manifestações invisíveis, nos detalhes que não percebemos da composição do ar que respiramos, dos processos tão precisos em cada célula do nosso corpo. “Ó Senhor, Senhor nosso, a tua grandeza é vista no mundo inteiro” (Sl 8.1), confessamos. Sua grandeza é ainda mais espetacular em Jesus: o próprio Deus conosco, tocando nossas feridas, espalhando perdão e paz, mudando vidas com amor, não terror. Sim, Senhor, a tua grandeza é vista no mundo inteiro.
      Oração: Pai, em meio ao aparente caos, faze-me ver teu poder criador e salvador. Amém.
Leia em sua Bíblia o Salmo 8
Hora Luterana

sábado, 10 de junho de 2017

MENSAGEM

Quem ama, cuida.

“Quem ama, cuida”, ouve-se constantemente. Deus ama você. E quer cuidar de você. Talvez não pareça. Talvez você tenha chegado ao “fundo do poço” e sente-se hoje, abandonado. Mas Deus ama. E cuida. Com a morte do próprio Filho, Jesus, em seu lugar, Deus mostrou que o amor dele por você vai além do entendimento humano, além dos nossos sentimentos e da nossa análise da vida, das lutas e do sofrimento. O povo de Israel, ao reconhecer esse amor divino no dia a dia, nas dificuldades e desafios, cantou e nos convoca: “Deem graças a Deus, o Senhor, porque ele é bom; o seu amor dura para sempre” (Sl 136.1).
Oração: Deus do céu, obrigado por olhar para mim com amor. Preciso do teu cuidado. Em nome de Jesus. Amém.
Leia em sua Bíblia o Salmo 136.1-9
#HoraLuterana

sexta-feira, 9 de junho de 2017

MENSAGEM

PENTECOSTES

      O próprio Espírito testifica ao nosso espírito que somos filhos de Deus. Romanos 8.16.
      O Espírito Santo é o Espírito da filiação. Esta expressão mostra bem porque foi mandado ao mundo e qual o seu trabalho. O Espírito é também chamado de “ajudador” (Sl 54.4), “Consolador” João 14.16,26). “Advogado” (1 João 2.1). 
     Esta ajuda e consolo consiste exatamente nisto em ele nos mostra que com e por Cristo podemos vir a ser filhos de Deus, nos tornamos filhos de Deus. Por isso ele dá testemunho de Cristo e não de si mesmo. Ele nos pinta Cristo diante de nossos olhos. Ele nos ajuda a compreender, aceitar, nos apegar de que Jesus morreu por nós, por mim. Algo que nossa razão nem pode captar por si, pois lhe parece loucura. O Espírito Santo gera a fé em nosso coração, assim renascemos e recebemos vida nova.
      Tudo isso é algo que nós nem sempre notamos. O que nos sentimos e experimentamos muitas vezes é o contrário, grande fraqueza e desamparo. Em meio as fraquezas e desamparos, no entanto, se firma a confiança em Cristo. Uma confiança como a do malfeitor na cruz. Ele, em meio a suas cores de consciência e dores físicas devido a crucificação, deu ouvido as palavras de Jesus na cruz, recordou o que havia aprendido na infância e juventude e suplicou a Jesus humilde, ousado e confiante: “Lembra-te de mim quando entrares no teu reino”. Nessa fé suportou os suplícios finais. Assim sabemos: Nada mereço. Confio simplesmente na compaixão de Jesus Cristo. O Espírito Santo nos firma nesta convicção.
Quando o Espírito executa esta obra em nós, teremos, mais cedo ou mais tarde, o que chamamos de “certeza da salvação”, mesmo que esta certeza vacile, o Espírito Santo sempre a renova em nós. Ele testemunha ao nosso espírito de que Cristo morreu por nós, de que fomos batizados e aceitos por Cristo, de que recebemos Cristo na santa ceia para a certeza de nossa filiação e ressurreição. Em outras palavras, é um profundo sentimento de segurança, de salvação que enche nossa alma. Isto nos leva à gratidão e ao louvor. Uma certeza de que nada nos pode separar do amor de Cristo, pois Cristo está conosco e tem compaixão de nós. E podemos clamar: Pai Nosso. Aba Pai, sempre com o espírito renovado.
      Alguns, na verdade, julga ser isto algo bem natural de que todos somos filhos de Deus. Eles ainda não notaram os enormes montes que nos separam de Deus, nossos muitos pecados. O Espírito Santo nos mostra isso pela lei de Deus. Quando de repente nossa consciência começa a nos acusar, caímos facilmente num terrível desespero e angústia da qual nenhum consolo, nem distração nos podem tirar, a não ser o consolo do Espírito Santo, que dirige nossos olhos para a graça e misericórdia de Cristo. A voz de nossa consciência é por vezes tão arrasadora que nem ousamos crer de que somos filhos de Deus pela graça de Cristo. Nesses momentos o Espírito Santo nos aponta a verdade do evangelho. A grande e consoladora verdade do evangelho a nós pecadores. De que Cristo morreu por nós e encravou os nossos pecados na cruz. O Espírito Santo nos mostra de que apesar de nossos pecados, somos amados filhos de Deus e assim reergue a fé e com ela a certeza do perdão. Ele e o espírito da filiação.
      Vem, Espírito divino, nobre Ensinador. Vem, revela em teu ensino nosso Redentor. Grande Mestre, bom Consolador, teu poder em nós se mostre, regenerador. (HL 140.1)
 
Pentecostes Imagem 4

quarta-feira, 7 de junho de 2017

MENSAGEM

 
Contribuindo para um mundo melhor!
 
      A generosidade, a bondade, a busca por justiça e a responsabilidade com o outro acompanham a vida cristã. A nova vida e o novo mundo que Jesus oferece muda o modo como olhamos o mundo agora e nos ajuda a lidar com os desafios da vida em sociedade. Conselhos como “quem roubava que não roube mais, porém comece a trabalhar a fim de viver honestamente e poder ajudar os pobres” (Ef 4.28) revelam a preocupação divina com as pessoas e,... também, mostram como o amor “endireita” as coisas e pode transformar a realidade.
      Oração: Salvador Jesus, o teu amor mudou minha vida. Ajuda-me, com o auxílio do Espírito Santo, a mudar o mundo para melhor. Em teu nome. Amém.
      Leia em sua Bíblia Efésios 4.28
HORA LUTERANA
 
Criança, Crianças, Menina, Feliz, Pessoas, Grupo                   


terça-feira, 6 de junho de 2017

BATISMO

Sobre o Batismo. Deve-se somente batizar em água doce ou também pode ser em água salgada?

RESPOSTA: A Bíblia não nos dá uma a resposta à pergunta se a água do Batismo deve ser de fonte salgada ou doce. A pergunta que a Bíblia ajuda responder é diferente: como um elemento tão comum na face da terra, a água, pode trazer salvação, pode fazer discípulos de Jesus, pode nos fazer nascer para o Reino de Deus, como bem Jesus ensinou? A água encontramos em toda a terra, tanto de fonte doce como de fonte salgada. O nosso país é abundante nas duas formas. Não é por falta de água que deixaremos de fazer batismo. Agora, a obra salvadora de Deus em Jesus Cristo é única, só está nEle. Assim como Felipe batizou o etíope em Atos 8 quando encontrou uma fonte de água na Palestina, assim nós cristãos também temos a oportunidade de fazê-lo em nome do Deus que se relaciona conosco, o Pai, o Filho e o Espírito Santo, porque conhecemos bem a real intenção de Deus para com todos os habitantes da terra, que é salvá-los eternamente em Jesus Cristo. Eis a oportunidade para continuamente batizarmos as pessoas que ainda não o foram, trazendo-lhes salvação em Jesus Cristo, não importando se a água é doce ou salgada.
Prof. Dr. Paulo Moisés Nerbas

segunda-feira, 5 de junho de 2017

MENSAGEM PARA SEGUNDA-FEIRA

Desânimo, frio e cansaço.
 
Há dias em que já acordamos desanimados. Mais um dia. Mais tensões. Mais trabalho. Mais insensibilidade. Mais injustiças. Mais cobranças. Mais derrotas contra tentações. Abatidos, sentimos sobre os ombros a dura realidade humana. E a desesperança tenta corroer mesmo as pequenas alegrias. “Mas a esperança volta quando penso no seguinte: O amor do Senhor Deus não se acaba, e a sua bondade não tem fim. Esse amor e e...ssa bondade são novos todas as manhãs; e como é grande a fidelidade do Senhor!” (Lm 3.21-23).
Oração: Salvador Jesus, teu amor por mim, explícito na cruz, aquece meu abatido coração nos dias frios da existência. Tu és tudo o que tenho, por isso, confio em ti. Aquece-me, Senhor. Amém.

domingo, 4 de junho de 2017

PENTECOSTES

 
Nós temos as primícias do Espírito (Romanos 8.23)

      Desde a queda de Adão e Eva em pecado, a morte entrou no mundo. Deus disse a Adão e Eva: Maldita é a terra por tua causa (Gn 3.17). O apóstolo Paulo afirma: Sabemos que toda a criação a um só tempo geme e suporta angústias até agora (Romanos (8.22). Desde lá o anjo que não guardou o seu estado original, procura desgraçar toda a criação de Deus (Judas 6).
      Porém, em meio a este mundo cheio de angústias, sofrimentos, gemidos e morte há o início de um novo começo para um mundo que não poderá ser destruído, no qual não haverá mais pecado, nem dor, nem sofrimento, nem morte. O início desse mundo é Cristo. Ele é a “primícias”. Ele concede vida, imortalidade a todo aquele que vem a ele e crê nele. A estes Jesus confere o Espírito Santo.
     “Primícia” significa a primeira dádiva. Deus havia ordenado ao povo de Israel que no início da colheita, o primeiro corte, o primeiro feixe colhido deveria ser oferecido a Deus em gratidão pela colheita. Para lembrarem que a colheita é dádiva de Deus. Esta primeira dádiva da colheita não era uma grande porção, mas o começo, a garantia de algo que segue.
      Da mesma forma acontece com o dom do Espírito Santo que recebemos. O Espírito Santo abre nossos olhos para Cristo, nos coloca em contato com Cristo, nos fez renascer e ter parte na vida e ressureição de Cristo. Esta dádiva do Espírito Santo, ainda não em sua plenitude, é o começo daquilo que nos acontecerá no dia da ressurreição, quando seremos totalmente transformados. Esta vida nova da reconciliação ainda está oculta. Somos salvos em esperança (v.24). Vivemos em fé e ainda não no ver. Estamos ainda na carne e no mundo em trevas. Mas o Espírito Santo está presente em nós. Ele sopra onde quer. 
     Ninguém pode captá-lo ou segurá-lo, ou provar que ele existe. Nós não podemos possuí-lo completamente. Nós podemos experimentar sua ação em parte. Nós gostaríamos de estar cheios do Espírito. Nós o desejamos e pedimos em orações que ele nos livre de fraquezas. O Espírito nos ajuda em nossas fraquezas de uma maneira bem diferente do que imaginamos. Pode ser que não encontramos mais palavras para expressar o que nos pesa no coração, nem sabemos orar como convém. Então o Espírito Santo entre em nosso lugar junto ao Pai com gemidos inexprimíveis (v.26).
      Que consolo. A vida nova é, portanto, algo que está em nós. Nós a temos em fé, mesmo quando nossa razão e nossos pensamentos fracos nem o podem captar direito. A presença de Cristo em nós não depende de nossos pensamentos lógicos, nossa compreensão e nosso raciocínio, mas é como o aconchego de uma criança a sua mãe. A vida de Cristo está simplesmente presente. Não precisa de palavras e compreensão. É uma realidade, não uma ideia ou visão do mundo. Recebemos esta vida no batismo, pelo qual fomos regenerados. Esta vida é fortalecida pela palavra de Deus e firmada pela santa ceia. Expressamos isto em nosso Credo Apostólico: “Eu creio...na remissão dos pecados, na ressurreição da carne e na vida eterna”. Temos as primícias. Este é o começo do mundo novo, da nova criação para a qual peregrinamos, guiados pelo Espírito Santo. (Baseado numa devoção do Bispo Bo Giertz).
      Ó Santo Espírito de Deus, / gracioso habitas junto aos teus;
      nos corações domina. / Celeste luz, teu resplendor
      revele em nós o seu vigor ; por tua ação divina.
      Vem dar, sem par, / vida pia / e nos guia
      ao buscarmos / tua face quando orarmos. (HL 144.1)

 
Pentecostes Imagem 2
Pentecostes

sábado, 3 de junho de 2017

REZAR O TERÇO MARIANO?

Na Igreja Luterana também se reza o Terço Mariano?

RESPOSTA: Na Igreja Luterana não se reza o Terço Mariano. Por quê? A resposta não é simplesmente "porque a Igreja Católica o reza". A Igreja Luterana não é anti-católica. Aliás, temos várias práticas na nossa liturgia que são também seguidas pela Igreja Católica Apostólica Romana. A razão para não se rezar o Terço Mariano é outra: o Terço pressupõe uma dignidade à Maria que não tem fundamentação bíblica, como, por exemplo, intercessora junto a Jesus. Embora cremos que Maria tenha sido uma notável serva do Senhor, não encontramos na Bíblia Sagrada alguma referência que a coloque como receptora de orações feitas por nós. Pelo contrário, a Bíblia apresenta inúmeras passagens que nos convidam, ordenam e estimulam a orar, mas somente a UM: a Deus, que se revela a nós nas pessoas do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Basta lembrar o que está escrito em Mateus 4.10: "Ao Senhor, teu Deus, adorarás; e só a ele darás culto”.  
Prof. Dr. Paulo Moisés Nerbas

sexta-feira, 2 de junho de 2017

FLORES NO ALTAR

Tenho dúvidas quanto à ornamentação do altar. As flores devem ser naturais? Ou podem ser arranjos de flores artificiais?

RESPOSTA: As pessoas que trabalham com a ornamentação do altar em nossas igrejas defrontam-se com a questão das flores quando arrumam os altares antes de cada culto. É um trabalho importante, pois se trata de deixar o ambiente de culto o mais agradável possível e liturgicamente correto.
     Busquei no site da nossa igreja-irmã, The Lutheran Chruch—Missouri Synod, algumas coisas interessantes sobre flores no altar. O artigo foi escrito pelo Rev. Dr. Greg Wismar, na revista Lutheran Witness de Maio de 2012.
     Vamos a algumas constatações do pastor Greg:
     Flores têm uma longa associação com a casa de Deus e com sua Palavra. O Antigo Testamento tem muitas referências à beleza das flores. Uma das expressões mais belas na Escritura está no Cântico de Salomão nas palavras do “Esposo” que diz, “Porque eis que passou o inverno, cessou a chuva e se foi; aparecem as flores na terra, chegou o tempo de cantarem as aves” (Cântico dos Cânticos 2.11-12).
     Referências a flores são encontradas nas palavras dos profetas, tais como . .    Oseias, que diz de Israel: “Serei para Israel como o orvalho, ele florescerá como o lírio e lançará as suas raízes como o cedro do Líbano” (Oseias 14.5). No Novo Testamento, o Sermão do Monte, registrado no Evangelho de Mateus contém as palavras de Jesus com respeito às flores: “Considerai como crescem os lírios do campo; eles não trabalham nem fiam . . . nem Salomão em toda sua glória, se vestiu como qualquer deles” (Mt 6.28-19). Flores sempre têm sido uma parte muito especial da boa criação de Deus trazendo alegria a seu povo.
     As citações da Bíblia sobre flores são um lembrete para nós para que confiemos na ação de Deus em nosso favor, tanto para nosso prazer como também pelo cuidado que Deus tem por nós. Mas o pastor Greg ainda lembra algo da Igreja Antiga sobre a utilização das flores:
     O surgimento de flores como uma característica especial nas igrejas cristãs iniciou nos primeiros séculos cristãos. A Igreja Antiga tinha consideração especial pelo sacrifício de suas vidas dadas pelos primeiros mártires. Muitas vezes, estes mártires eram enterrados próximo ou abaixo dos altares das primeiras igrejas, e flores eram trazidas para relembra-los e honra-los. Flores eram vistas como tendo uma associação especial com o paraíso e com os mártires.
É interessante lembrar que nós também em nossos dias costumamos enviar flores quando entes queridos partem. É uma maneira de prestar a nossa homenagem e reconhecimento a eles pelo convívio que tivemos. Em meio à tristeza da partida do ente querido as flores expressam beleza e certeza de que quem as criou também é o Criador daquele que está partindo para estar eternamente com Deus.
     Continuando a citar o uso de flores na história de nossos cultos o pastor Greg nos informa:
     Não somente flores eram colocadas no altar na Idade Média, mas também fragrâncias de flores, tais como lavanda, sálvia, manjericão e bálsamos eram espargidos no chão de maneira que sua fragrância fosse lançada enquanto fossem pisadas nas catedrais bem como em locais de igrejas paroquiais.  Engajar todos estes sentimentos no culto é uma tradição de longa data.
     No final do seu artigo o pastor Greg cita a escritora Jean Taylor e lembra algo bem evidente, mas importante sobre o uso das flores:
     Em seu livro de ajuda, Flores na Igreja, a autora Jean Taylor escreve que flores “trazem vida e cor à igreja e são uma lembrança constante da maravilha do mundo natural criado por Deus”.
     Ainda poderíamos acrescentar que as flores expressam beleza, alegria e glória. São usadas, portanto, para embelezar o templo ao mesmo tempo em que expressam a bondade de Deus.
     Ao arrumarmos nossos altares, estamos continuando uma tradição muito antiga nas igrejas. Flores artificiais são criações mais recentes, não expressam a criação de Deus e não fazem parte desta tradição de flores na igreja. Acho que mesmo o bom senso nos leva a utilizar flores naturais para nossos cultos, especialmente lembrando que no culto Deus vem a nós com sua palavra e sacramentos e tudo o que está na igreja, especialmente no altar nos deve ajudar a lembrar a ação de Deus em nosso favor. Aí flores artificiais não têm esta mensagem.
Prof. Ms. Raul Blum
Comissão de Culto

quinta-feira, 1 de junho de 2017

quarta-feira, 31 de maio de 2017

FEIJOADA

Feijoada na Igreja Evangélica Luterana Santíssima Trindade de Prudentópolis, rua 7 de Setembro, 90, Vila das Flores. Será no próximo sábado, dia 3 de junho, com início às 19h30min. Adultos pagam R$ 15,00. Crianças de 7 a 10 anos pagam R$ 8,00.
Participe. Compre seu ingresso com antecedência.
Promoção dos jovens. Festejando os 92 anos da JELB.
 
Quando a hora chegar

Há alguns momentos decisivos na vida que exigem força mental, sensibilidade, coragem, equilíbrio. Pode ser o primeiro emprego, o pedido de casamento, a notícia de uma doença terminal. Jesus, estava prestes a morrer por nós na cruz e, naquele momento, o que ele faz? Ele ora. Sim, ele fala com o Pai e diz: “Pai, chegou a hora” (Jo 17.1). Quando você enfrentar momentos decisivos, não esqueça de falar com o Pai. Ele ouvirá.

Oração: Pai, lembra-me sempre da tua promessa de estar comigo sempre. Por Jesus eu peço. Amém.

Leia em sua Bíblia João 17.1-11 - Hora Luterana
 
Se o mundo é lindo, imaginem o céu.
 


 
 

domingo, 28 de maio de 2017

PERDÃO

     Quantas vezes devo perdoar quem peca contra mim? Sete vezes é um número razoável? O questionamento de Pedro a Jesus, também é o nosso, quase implorando que Jesus aponte um caminho de justiça, de acerto de contas, de vingança. Mas ele diz: "Você não deve perdoar sete vezes, mas setenta vezes sete .” ‭‭(Mt 18.22‬). Diante da maldade explícita de terroristas e a injustiça escondida em nossas próprias ações, somos lembrados de quem Deus é, de sua misericórdia e do amor escandaloso de Jesus por todas as pessoas. 

      Oração: Jesus, tu morreste pagando nossas culpas. Que o teu amor e perdão guiem minhas ações e relações. Amém.

      Leia em sua Bíblia Mateus 18.21-22

quinta-feira, 25 de maio de 2017

ASCENSÃO

Ficção, não!
 
       Hoje os cristãos relembram a ascensão de Jesus, ou seja, sua subida ao céu depois de ressuscitar. Jesus havia se reencontrado com os discípulos e “enquanto os estava abençoando, Jesus se afastou deles e foi levado para o céu” (Lc 24.51). Imaginar essa cena pode parecer ficção ou apenas um delírio.
     Mas não é menos incomum do que a ressurreição de Jesus, do que seu sacrifício por todas as pessoas, do que seu nascimento em Belém. A história de Jesus mostra Deus, o Criador do Universo, agindo por amor. Não, não é ficção: é poder, graça e amor de Deus por você.
     Oração: Jesus, como subiste ao céu, tu voltarás. Não deixes que meus olhos se percam nos enganos dos meus pensamentos. Abre meus olhos para a realidade do teu poder e amor. Amém.
Leia em sua Bíblia Lucas 24.44-53 - Hora Luterana
 


quarta-feira, 24 de maio de 2017

92 ANOS DA JELB

 
FELIZ O JOVEM QUE VIVE PARA DEUS!
ELE SERÁ UMA BÊNÇÃO PARA O MUNDO!
PARABÉNS JELB PELOS SEUS 92 ANOS, LEVANDO JOVENS PARA CRISTO!
 
Queridos jovens da IELBPRUDENTÓPOLIS....
A festa pelos 92 anos da JELB, em nossa Paróquia, será dia 28/05/2017 ás 9 h, na Igreja Luterana Santíssima Trindade de Prudentópolis. Venha louvar, se alegrar, e agradecer todas as bênçãos que o bom Deus derramou sobre sua vida e a vida de toda JELB.
Nosso tradicional "coquetel" será no dia 03/06/2017 com a "feijoada" as 19h30min ao preço de R$ 15,00. Participe jovem e convide seus pais e irmãos. Vai ser muito legal.
 
 
 





terça-feira, 23 de maio de 2017

domingo, 21 de maio de 2017

MENSAGEM

Crise da vida ou vida em crise?
 
       As crises fazem parte da vida. Poderíamos falar da crise da adolescência, da crise da meia idade, da crise da velhice, da crise provocada pela morte de entes queridos, da crise de deixar o lar paterno, e de muitas outras crises.
       Podemos deixar que as crises nos dominem e acabamos terminando a vida em crise. Ou, com a ajuda de Deus, com o passar do tempo e com a ajuda de profissionais, podemos superar a crise.
       Jesus disse: “Quem ouve esses meus ...ensinamentos e lhes obedece é como um homem sábio que construiu a casa sobre a rocha. Caiu a chuva, vieram as enchentes, e o vento soprou com força contra aquela casa. Porém ela não caiu porque havia sido construída sobre a rocha. – Quem ouve esses meus ensinamentos e não lhes obedece, é como um homem sem juízo que construiu a sua casa na areia. Caiu a chuva, vieram enchentes, e o vento soprou com força contra aquela casa. Ela caiu, e a sua destruição foi completa.”
        Chegue mais perto de Deus, e faça de Jesus Cristo a base sobre a qual vai edificar a sua vida. Desta forma as crises da vida poderão sacudir você, mas nunca o derrubarão.
       Oração:
       Bondoso Deus, obrigado por mais um dia. Peço-te que abençoes este dia. Peço também pela minha família. Que a união e o amor estejam sempre presentes em nosso dia-a-dia. Abençoe meu filho e minha nora, para que sejam uma família que irradia a luz de Cristo em seu lar. Abençoes meus parentes e amigos, também aqueles que não gostam de mim. Em nome de Cristo, o elo da família. Amém

sábado, 20 de maio de 2017

Deus desconhecido

       Diante de filósofos, professores e moradores de Atenas, Paulo disse: “Esse Deus que vocês adoram sem conhecer é justamente aquele que eu estou anunciando a vocês” (At 17.23). Por mais inteligentes, sábios, tecnológicos e poderosos que sejamos, ignoramos quem Deus é realmente. Até que ele se revela.
      Olhamos para nós, para o Universo, para a vida e buscamos um ser maior e melhor do que nós. E, incrivelmente, ele vem até n...ós. E, diferente dos deuses criados por nossas necessidades, ele é amoroso e envia seu Filho Jesus, que se faz gente, para nos garantir paz. Agora, sim, conhecemos a Deus.
       Oração: Deus, obrigado por te revelares a nós, ignorantes. Abre nossos olhos. Amém.
       Leia em sua Bíblia Atos 17.16-31

sexta-feira, 19 de maio de 2017

CONGRESSO LSLB

LSLB/RDN-INFO-031/2017 – 29º Congresso Nacional – Será realizado na cidade de Poços de Caldas, MG, nos dias 21 a 25 de janeiro de 2018. Lema: "Como um perfume que se espalha por todos os lugares, somos usados por Deus para que Cristo seja conhecido por todas as pessoas" 2Co 2.14b. Tema: Perfume que se espalha.
Inscrições: 1º de junho a 30 de novembro de 2017 pelo site da LSLB: www.lslb.org.br, poderá ser parcelado em até 6 vezes, contanto que a inscrição seja feita em junho, caso contrario o parcelamento será reduzido a cada mês.
Servas – R$ 1.100,00
Leigos – R$ 1.100,00 com material
R$ 1.050,00 sem material
Pastores – R$ 1.000,00 com material
Jovens até 18 anos - R$ 1.000,00 sem material – acompanhado pelo responsável
Crianças de 6 a 11 anos – R$ 500,00 (Idade das crianças até a data do check-in e acompanhadas por 2 adultos no mesmo quarto)
Crianças até 5 anos – Cortesia (Idade das crianças até a data do check-in e acompanhadas por 2 adultos no mesmo quarto)
Motoristas – R$ 680,00 - Hotel Nacional Inn - Centro de Poços de Caldas
 
Resultado de imagem para imagens de poços de caldas mg
 
Resultado de imagem para imagens de poços de caldas mg
 

quarta-feira, 17 de maio de 2017

terça-feira, 16 de maio de 2017

Mais um dia de vitória
 
      Começa um novo dia. Talvez seja um dia com muitas pressões, falhas, desafios e dificuldades. Ou talvez seja um dia de alegrias e conquistas. O salmista nos convida a olhar cada dia sob a perspectiva da vitória: “Este é o dia da vitória de Deus, o Senhor; que seja para nós um dia de felicidade e alegria” (Sl 118.24). Jesus venceu a morte por nós! Lembrar deste amor, mesmo com as dores e angústias de nossa imperfeição, é celebrar a alegria da paz. Que hoj...e seja um dia de felicidade e alegria!
      Oração: Deus, ajuda-me a celebrar a vida que recebo em Jesus a cada novo dia. E, assim, trazer a um mundo que sente o peso de nossas maldades e corrupção, a leveza da tua paz e do teu amor. Por Jesus eu peço. Amém.
      Leia em sua Bíblia o Salmo 118.22-25
Mar, Oceano Índico, Piscina, Vista

domingo, 14 de maio de 2017

MENSAGEM

MÃE! ENSINA A CRIANÇA NO CAMINHO EM QUE DEVE ANDAR!
 
        Dia das mães. Uma data que nos convida a reconhecermos e enaltecermos os méritos, as virtudes, o amor e a dedicação que as mães revelam eu sua nobre missão no lar. Uma data que nos convida a redermos nossa homenagem de gratidão, por tudo aquilo que nos tem proporcionado na vida.
        Creio que a maioria das mães ainda guarda em sua memória aqueles momentos de felicidades, quando perante o altar do Senhor iniciaram a formação dum novo lar. Foi na verdade, um dia coroado de felicidades.  Entretanto, a maior felicidade se concretizou quando surgiu o primeiro filho. Desde então muitas mães compartilham alegrias e tristezas, bens e bênçãos com os filhos e esposo. Muitas mães não têm conseguido dar as melhores condições ao seu filho. Dar tudo aquilo aos filhos que lhes havia reservado. Não têm conseguido servir as melhores refeições e enviá-los aos melhores colégios e universidades.
        Em compensação duma coisa eu tenho certeza, que, você estimada mãe, tem condições de dar aos seus filhos: o melhor conforto espiritual possível. Está em condições de guiá-los ao Salvador Jesus e à sua Igreja. Está em condições de instruir teus filhos na palavra do Senhor, quando esta nos diz: “Ensina a criança no caminho em que deve andar, e ainda quando for velho não se desviará dele” (Pv 22.6).E Paulo alerta aos pais dizendo: “Vós pais, cria-os na disciplina e admoestação do Senhor.” (Ef 6.4).E ainda ouçamos as palavras de Moisés “Estas palavras que hoje te ordeno, estarão no teu coração, tu as inculcará a teus filhos, delas falarás assentado em tua casa e andando pelo caminho, e ao deitar-te e ao levantar.” (Dt 6.6-7).
        Eis a grande responsabilidade dos pais: criar os seus filhos na disciplina e admoestação do senhor. É preciso ensinar os seus filhos, no caminho em que deve andar como dizia Moisés em suas palavras: É preciso inculcar, colocar, depositar... e dela falarás aos teus filhos em tua casa. Os pais devem reconhecer que há urgente necessidade de instruir seus filhos no verdadeiro caminho. Por outro lado, devem lembrar que melhor herança que eles podem deixar para os seus filhos é uma boa educação. Se os pais não se encarregar da educação cristã de seus filhos, então satanás se encarregará de educá-los à sua maneira. Os ladrões e criminosos que povoam muitas prisões; muitos jovens viciados em tóxicos; muitos filhos frustrados na vida, eis um fruto da falência de muitos lares, um produto de uma educação onde faltou a palavra de Deus.
        Diferente é aquele filho que não quer aceitar a instrução de sua mãe. Aquele filho rebelde que quer fazer tudo conforme sua vontade. Aquele filho que não reconhece os sofrimentos que sua mãe passou. Sendo assim, julga ter o direito de desprezar a sua mãe, alegando que os pais são atrasados, que não têm condições de educar corretamente. Para esses filhos que desprezam e desobedecem aos seus pais, Deus tem uma palavra severa: “Olhos de que zomba do Pai, ou de que despreza a obediência à sua mãe, corvos no ribeiro os arrancarão e pelos pintãos da águia serão comidos.” (Pv, 30.17).
        Entretanto, um filho cristão reconhece a importância da instrução. O próprio também deve entender que uma boa educação sempre gera benefícios. E aquele filho que aceita a instrução de seus pais, provavelmente não encontrará muitas dificuldades em sua vida. Encontrará sim, o caminho a seguir neste mundo, porque recebeu uma boa orientação, e a partir dessa orientação, encontrará novo rumo em sua vida.
        Se por um lado, muitos filhos não querem aceitar a instrução de sua mãe, por outro lado, muitas mães tornam-se indiferentes quanto à instrução de seus filhos. Não querem assumir a responsabilidade para com seus filhos. Não querem orar e fazê-lo crescer na graça e no conhecimento de Cristo, educando-os para a eternidade. Acima de tudo dar-lhes o exemplo de virtudes cristãs.
        Estimada, mãe! Tu és uma professora em teu lar. Teus filhos são os alunos e a Sagradas Escrituras, teu livro de lição. Não se esqueça de lecionar a verdadeira lição aos teus filhos acima de tudo cristã. Lembre-se: Deus lhe escolheu para uma missão difícil e espinhosa, mas muito especial, e que ele promete estar com você em cada situação. Ele oferece o seu amparo, consolo, amor Acompanhe teus filhos desde pequeno, ensinando o verdadeiro caminho. Que Deus abençoe ricamente a tua vida. Felicidades! FELIZ DIA DAS MÃES!
 
 

sexta-feira, 12 de maio de 2017

REFLEXÃO

O ANTAGONISMO NAS PESSOAS
 
Muitos dos seres humanos são antagônicos a si mesmos. Pelo menos no Brasil. Querem exemplos? Aí vão alguns:
- filhos que falam mal dos pais e os condenam, mas querem a comida na mesa, a roupa limpa e até nova...
- pessoas que falam mal da sua Congregação Cristã, mas querem que seus filhos sejam batizados, confirmados, etc......

- pessoas que falam mal (e até destroem) empresas que produzem "papel higiênico", mas na hora de ca.... compram e usam este papel para se limpar.
- pessoas que falam mal (e até destroem) empresas que tem laboratórios e produzem frutas, cereais, etc... chamados trasngênicos, mas na hora de comer, compram nos mercados estes produtos sem se importarem com nada.
- pessoas que falam mal da empresa onde trabalham, mas no final do mes querem o seu salário em dia...
- pessoas que falam mal do capitalismo, mas os seus salários são muito bons, seu carro, casa, aviões que usam para viagens, etc... são frutos do capitalismo.
- Pessoas que falam mal da polícia, mas quando suas casas são assaltadas exigem atenção máxima dessa agremiação.
- etc....etc....etc....
Por estes e muitos outros modos estranhos de nos comportarmos, eu passo a afirmar que: "somos antagônicos em nós mesmos".
Dêem suas opiniões, só não sejam antagônicos ao concordarem comigo, ou discordarem de mim.

quinta-feira, 11 de maio de 2017

ARTIGO

 
Lázaro, João 11

     Nosso amigo Lázaro adormeceu, mas vou para despertá-lo (João 11.11).
      O evangelista João só relata alguns milagres de Jesus. Ele os comenta e destaca importantes detalhes. Na história de Lázaro, o evangelista João trata da ressureição.
       Ele começa dizendo que Lázaro adormeceu. Lázaro era irmão de Marta e Maria. Estas três pessoas pertenciam aos discípulos de Jesus e tinham um relacionamento mais íntimo com ele. Jesus esteve muitas vezes na casa deles. Por isso, ao Lázaro adoecer, mandaram mensageiros a Jesus, comunicando o fato. Jesus se encontrava perto, no outro lado do Jordão. Quando Jesus recebeu a notícia da doença de Lázaro, ele disse a seus discípulos: Lázaro, nosso amigo, dorme, mas eu vou para despertá-lo (v.11). Os discípulos, que não sabiam que Lázaro havia morrido e tomaram as palavras ao pé da letra. Jesus, no entanto, indicou com estas palavras que Lázaro havia morrido.
      Jesus disse: Lázaro está dormindo, para indicar que Lázaro, morreu. Da mesma forma, Jesus se expressou em relação à filha de Jairo. Ele disse: Retirai-vos, porque não está morte a menina, mas dorme” (Mt 9.24). No Novo Testamento, os mortos são chamados de “os que dormem” (Mt 22.52; 1 Co 15.6.20; 1 Ts 4.13).
      Muitas vezes, nós compreendemos a morte e o dormir de forma errada. Isto, porque temos uma noção errada da vida e da morte. Consideramos a vida algo que possuímos, algo de que dispomos, e o sono é um período de descanso, uma pausa para recuperar forças. Nós vivemos, e consideramos isso algo bem natural, bem como o despertar do sono. Ao a Bíblia chamar a “morte “ de “sono”, ela está dizendo que ainda estamos vivos e possuímos a vida. Temos a imortalidade (somos imorais) e despertaremos.
      Na realidade, a vida não é algo que possuímos, mas algo que recebemos. A vida é um dom (um presente) de Deus. Nós estamos ininterruptamente nas mãos de Deus e dependemos dele. Nós vivemos só enquanto Deus nos mantém. Ele mantém sua criatura, minuto após minuto.
      Assim o é também no dormir. A verdade bíblica sobre o “dormir” encontramos nos Salmos: “Deito-me e pego no sono, acordo, porque o Senhor me sustenta” (Sl 3.6). Eu estou todo o tempo nas mãos de Deus, dia e noite, no trabalhar e no dormir. Se acordo de manhã para um novo dia, é porque Deus, que me mantém, está-me dando mais um dia.
      Quando a Bíblia caracteriza a morte como um “sono”, um “dormir”, isto significa que também os mortos estão nas mãos de Deus. O Criador tem o mesmo poder sobre eles, como sobre os vivos. Os mortos não desaparecem, a morte não é o fim, com a qual tudo acaba. Não. Eles não são importais, no sentido de que continuam sua existência e tomam decisões por suas próprias forças, como aparentemente o fazem em vida. Mas, eles estão inteiramente nas mãos de Deus.
      Aqueles que conhecem Jesus e confiam em sua graça, receberam pelo batismo uma vida nova. Já participaram da primeira ressurreição. Eles foram enxertados, pela graça de Cristo, em Cristo. Pela fé na graça sabem-se “bem-aventurados”. Sabem que a “morte” corporal é a grande hora de entrar na glória do Pai celestial, de passaram do crer para o ver. Nós confessam no Credo Apostólico: Eu creio... na remissão dos pecados, na ressurreição da carne e na vida eterna. Amém. Sim, bem-aventurado e santo é aquele que tem parte na primeira ressurreição; sobre esses a segunda morte não tem autoridade; pelo contrário, continuarão sacerdotes de Deus e de Cristo, e reinarão com ele (Ap 20.6).
      No dia do Juízo Final, Deus ressuscitará a todos os que viveram aqui na terra, e convidará seus filhos, os fiéis, a entrarem no novo céu e na nova terra, para uma vida bem-aventurada com Deus. Os incrédulos serão condados ao fogo eterna.
Oração
Amado Pai, me seja dado
que eu possa em ti adormecer.
Por graça, em Cristo perdoado,
no céu contigo irei viver.
Pois vivo agora e morrerei
em teu amor, ó eterno Rei. (HL 517.3)Horst Reinhold Kuchenbecker

terça-feira, 9 de maio de 2017

REFLEXÃO DO DIA

Não abaixe a cabeça!
 
     “Olhe firme para a frente, com toda a confiança: não abaixe a cabeça envergonhado” (Pv 4.25), diz o sábio Rei Salomão.
     Mas esse olhar para a frente não é só um discurso motivacional ou de autoajuda para vencer na vida. A pessoa que não precisa se envergonhar, que olha para frente, também ouve: “Evite o mal e caminhe sempre em frente; não se desvie nem um só passo do caminho certo” (Pv 4.27).
     Deus nos mostra o caminho certo em sua Palavra. E nos dá a vida eterna em Jesus. Olhe para a frente, com toda a confiança: Deus ama você!
      Oração: Senhor Jesus, obrigado por me perdoares. Assim, posso recomeçar de cabeça erguida mais um dia, sabendo que o futuro, a vida, recebo das tuas mãos. Abençoa o meu dia. Amém.
Leia em sua Bíblia Provérbios 4.24-27 (Hora Luterana)

segunda-feira, 8 de maio de 2017

MENSAGEM


      Deus ouve e atende as nossas orações. Esta é a grande verdade que todo o cristão precisa compreender.
     Deus diz para Jeremias 33.3 "clama a mim e responder-te-ei; anunciar-te-ei coisas grandes e ocultas..."
     Que bom que temos um Pai amoroso que cuida de nós e atende as nossas orações. E ele faz isso tão somente por causa de seu grande amor para conosco. Deus ouve e atende as nossas orações feitas com fé, em nome de Jesus. 
     Mesmo que a resposta seja “não”, ele sabe sempre o que é bom para nós. E, no seu amor, nos dá tudo o que é necessário para a nossa salvação. S
     Se você tem pedido alguma coisa a Deus, ouça a sua resposta em seu coração, acalme-se creia que Ele sabe o que faz. Deus tem o controle do tempo, do modo, da situação, de sua vida. Ele sabe o que é melhor para você.
     Um ótimo dia!

domingo, 7 de maio de 2017

MENSAGEM

Para tomar decisões
 
      Como você toma decisões? Estabelece critérios, verifica os argumentos a favor e contra? Jesus, antes de escolher os seus doze apóstolos, “subiu um monte para orar e passou a noite orando a Deus. Quando amanheceu, chamou os seus discípulos e escolheu doze deles” (Lc 6.12-13).
     Sejam quais forem seus critérios e razões para decidir, fale sempre antes com Deus. A vontade dele, em primeiro lugar, trará segurança em qualque...r escolha que você tiver de fazer.
      Oração: Salvador Jesus, que no dia de hoje eu tome decisões tendo a tua vontade em mente. Obrigado por me dares paz com Deus e a oportunidade de falar diretamente com o Criador. Amém.
Leia em sua Bíblia Lucas 6.12-16

sábado, 6 de maio de 2017

BOM PASTOR

Bom Pastor 

         O que se passa pela nossa mente ao ouvirmos a palavra “Pastor”?
Quase 100 % pensaram na pessoa que estudou teologia e aceitou um convite a administrar cultos, estudos bíblicos, visitas pastorais, assistência a doentes, enfim exercer as atividades religiosas que fazem parte de uma congregação.
         Já os discípulos quando Jesus falou "pastor", imediatamente pensaram naquele que cuida, alimenta e protege as ovelhas no campo. Este era contexto que eles conheciam. Hoje, em nosso contexto entendemos, no protestantismo, pastor é o responsável de cuidar do rebanho de cristãos e entrega-los àquele que disse: "Eu vim para que... tenham vida, a vida completa". Jo.10.10

sexta-feira, 5 de maio de 2017

COM JESUS

Jesus com o povo!

  "Neste mundo tereis aflições. Mas tende bom ânimo, Eu venci o mundo.

quinta-feira, 4 de maio de 2017

A PRESENÇA DE JESUS TRAZ....

A paz de Deus         

A paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e os vossos sentimentos. 

quarta-feira, 3 de maio de 2017

UM OLHAR DIFERENTE

O olhar de Jesus
 
       
 
        Quando olhamos para as pessoas, nosso olhar pode estar carregado de preconceitos. Notamos como uma pessoa está vestida e imaginamos quanto dinheiro tem. Sabemos de alguém que está com câncer e começamos a imaginar o que causou a doença, ou se a pessoa não cuidou da saúde apropriadamente.
       Jesus nos ensina um outro olhar. Ao andar por várias cidades em Israel, curando e ensinando, “quando Jesus viu a multidão, ficou com muita pena daquela gente porque eles estavam aflitos e abandonados, como ovelhas sem pastor.” Com este olhar de amor Jesus continua olhando para você e para quem está sofrendo. Exercite também o olhar de misericórdia.
        Oração: Salvador Jesus, tu deste tua vida por mim porque me olhou com misericórdia e amor. Usa meus olhos para que o teu amor alcance mais pessoas. Amém.
Leia em sua Bíblia Mateus 9.33-38

terça-feira, 2 de maio de 2017

MENSAGEM

Mais perguntas que respostas!
 
     Há momentos na vida em que temos muitas perguntas para Deus: "Por que meu filho tem que sofrer?", "Qual o sentido das catástrofes?", "Por que às vezes me sinto tão mal?", "Por que os bons sofrem e os maus prosperam?". Perguntas difíceis, duras, que surgem de um coração que sofre. Nem sempre teremos as respostas. E Deus mesmo nos pergunta: "Será que você está querendo provar que sou injusto, que eu sou culpado..., e você é inocente?" (Jó 40.8) e, ao mesmo tempo, Jesus convida: "Não fiquem aflitos. Creiam em Deus e creiam também em mim." (Jo 14.2). Deus nos ouve. Ouve cada pergunta, cada grito de sofrimento e angústia, cada lágrima que expressa nossa dor. Mas não fique aflito: Jesus trará alívio e consolo, mesmo que não tenhamos todas as respostas agora.
     Oração: Senhor Jesus, obrigado por conhecer meu coração e ouvir minhas perguntas. Amém.
Leia em sua Bíblia João 14.1-4

domingo, 30 de abril de 2017

MENSAGEM PARA DOMINGO

RESPOSTA PARA NOSSAS DÚVIDAS!

      Texto: Lucas 24.36-40
     “Mas ele (Jesus) disse: – Por que vocês estão assustados? Por que há tantas dúvidas na cabeça de vocês?” (Lc 24.38)
      Dúvida é ausência de certeza. É suspeita, falta de fé. Ter dúvida ou estar em dúvida é uma das sensações mais problemáticas do ser humano. A dúvida muda caminhos, rotas, relacionamentos, vida e fé. A dúvida provoca medos e inseguranças. Por tudo isso, quando temos dúvidas, vamos em busca das respostas. Mas nem
sempre nossas dúvidas são resolvidas.
      Na vida espiritual uma dúvida que assola o coração de muitas pessoas é sobre a ressurreição de Jesus. Os próprios discípulos estavam em dúvida quando Jesus apareceu entre eles e perguntou: “Por que vocês estão assustados? Por que há tantas dúvidas na cabeça de vocês?” (Lc 24.38). 
     Para os cristãos essa certeza é a base de sua fé, doutrina e vida. A ressurreição é fato histórico consumado. No terceiro dia o nosso Senhor Jesus voltou à vida confirmando a sua vitória sobre a morte para ser o nosso Salvador. A ressurreição sela a paz entre Deus e nós. Isso está muito claro no texto bíblico indicado para hoje.
      Os discípulos estavam com medo após a morte de Jesus. Seus corações estavam cheios de dúvidas. Então Jesus veio e se colocou no meio deles. Isso já prova a sua ressurreição. Mas ele ainda dá a sua paz. A paz que somente é possível pela morte e ressurreição de Jesus. Apesar disso, os discípulos estavam assustados. Jesus queria dissipar o pânico dos discípulos. Quais eram as reais dúvidas deles e por que estavam tão assustados? Para nós não importa! O que mais nos interessa é a presença ressurreta de Cristo. Isso refuta qualquer dúvida ou ideia errada sobre a ressurreição de Jesus.
      Portanto, Jesus é a resposta de Deus para todas as nossas dúvidas. Já a ressurreição dele é a verdadeira resposta para a vida, aqui e na eternidade.
      Oremos: Senhor Jesus, obrigado por responderes nossas dúvidas. Ajuda-nos a crermos sempre mais na verdade concreta da tua ressurreição que celebra a vitória e a vida. Em teu nome. Amém.

sábado, 29 de abril de 2017

sexta-feira, 28 de abril de 2017

MENSAGEM

Esmagado

       “Eu continuei crendo, mesmo quando disse: ‘estou completamente esmagado.’ Não parei de crer, mesmo quando afirmei, sem pensar: ‘não se pode confiar em ninguém’” (Sl 116.10-11).
        A confissão sincera do salmista nos faz lembrar dos nossos momentos de dor, de profunda angústia ou medo da morte. Esmagados, desconfiamos de tudo e de todos. Mas Deus mesmo nos faz lembrar de que o Senhor é bondoso e fiel, de que “o nosso Deus tem compaixão de nós”. E, então, o coração ganha novo ânimo, e, humilde, muda o tom amargo de isolamento para uma canção de louvor: “Eu amo a Deus, o Senhor, porque ele me ouve; ele escuta as minhas orações”.        Oração: Obrigado, Pai, por cuidares de mim. Em nome de Jesus. Amém.
Leia em sua Bíblia o Salmo 116

quinta-feira, 27 de abril de 2017

TRABALHO EM MUTIRÃO

Esse foi um dia marcante. Trabalho em mutirão para erguer as paredes do pavilhão social na Igreja Luterana em Prudentópolis.
Pena que o mutirão foi só de um dia.
Precisamos marcar outro. As paredes não estão prontas. Material temos. Só falta a mão de obra.